Circuito Natureza é promessa de muita aventura no Festival de Inverno

Circuito Natureza é promessa de muita aventura no Festival de Inverno

Vocês já sabem que o Festival de Inverno tem atrações que agradam todos os tipos de público: do clássico ao aventureiro! E, por isso, pensando naqueles que não dispensam fortes emoções, foi criado o Circuito Natureza. O Circuito é uma iniciativa do Festival de Inverno e procura explorar as belezas naturais que a cidade de Ouro Preto proporciona. A experiência possibilita uma conexão entre homem e natureza, além de ser uma alternativa para o público que procura mais adrenalina. As primeiras experiências foram trilhas e o Trekking no Parque das Andorinhas. Que contaram com a participação de várias pessoas, das mais diversas idades!

 

Você sabe o que é Trekking ?

Se não sabe, nós vamos te explicar! Trekking é uma atividade física aeróbica, que consiste em caminhadas em locais naturais em busca de expandir o contato com a natureza. É essa experiência que o Circuito Natureza quer te proporcionar. Como o Trekking é uma atividade física são necessários alguns cuidados antes de sua prática, então fica de olho no próximo item.

 

Cuidados ao praticar o Trekking

Para praticar o trekking, primeiro, é necessário estar com roupas e calçados adequados. As trilhas normalmente demandam esforço físico, então roupas muito justas e/ou jeans podem atrapalhar a prática, prejudicando, assim, o seu desempenho. O calçado inadequado pode causar, além de desconforto, machucados e bolhas nos pés. Por isso, opte por roupas leves e confortáveis. O sapato, deve ser fechado, tênis de preferência (os de corrida funcionam melhor nesse caso, já que têm maior aderência e impedem que você escorregue). Como é uma atividade física, profissionais indicam um alongamento antes de iniciar a prática, isso pode evitar lesões e cãibras. Estar bem alimentado e hidratado também é essencial para um bom rendimento. Além de manter intacta sua integridade física. Lembrando que os mesmos cuidados valem para a trilha.

Agora você já sabe o que é necessário para praticar o Trekking. Ficou interessado? Então fique ligado que nós vamos te contar um pouquinho mais sobre como foi  prática no Parque das Andorinhas.

 

Como chegamos

Para chegarmos até o Parque das Andorinhas foi fácil. Vamos te explicar como você fará para chegar lá também! A partir do Centro Histórico, você deve embarcar no ônibus São Sebastião. Nele, é melhor deixar a vergonha de lado e pedir para o carteiro ou motorista avisar quando chegar no parque. Você não vai querer passar direto, não é mesmo? Se optar por ir de carro, a melhor opção é acionar o GPS, para não se perder no caminho. Chegando lá, você vai avistar o portão do parque e já será possível sentir o ar fresco que só um lugar assim pode nos proporcionar!

 

Sebo nas canelas

É meus amigos, vocês não queriam aventura? Então se preparem para uma leve caminhada! A sede do Parque é bem pertinho, e a gente jura que não é o perto de mineiro (que, na verdade, é longe). São apenas 2km que você nem vai perceber que caminhou (é sério!!!). Pois, na hora da caminhada, é impossível não se sentir tomado pela beleza do lugar. Chegando na sede, você vai perceber que são muitas opções de trilha. Lá, você encontrará pessoas instruídas que vão te indicar os melhores percursos para seguir, de acordo com seu desejo. O circuito que escolhemos foi a caminhada da folinha. Fomos acompanhados por um grupo de mais cinco pessoas, que também se interessaram pela trilha. Todo o percurso possui setas roxas para orientar os visitantes, e é por isso que essa trilha não necessita da presença de um guia. O trajeto dura uma média de 75 minutos de caminhada. Se você achou muito, calma! No final somos recompensados com uma bela cachoeira, que deixa claro para nós que todo o esforço não é nada perto da grandeza e força das belezas naturais do Parque das Andorinhas!

 

Foto: Danillo Vieira
Foto: Danillo Vieira
Foto: Danillo Vieira
Foto: Danillo Vieira

Bom, esse foi um pequeno relato do que rolou no Circuito Natureza de hoje! Se você ficou interessado, não deixe de curtir essa experiência inesquecível. A atração é gratuita, com classificação de 18 anos e a programação completa do Festival de Inverno você confere aqui.

 

Cobertura: Danillo Vieira
Texto: Karina Santos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s